Ementa:
Objetivo: Discutir as interfaces entre feminismo, feminino, ancestralidade e candomblé. Discutir a importância histórica do candomblé e a importância da atuação das mulheres negras como zeladores de saberes e praticas da memoria negra no Brasil.